LGPD - o que muda com esta nova lei?

A Lei Geral de Proteção de Dados chegou para mudar a forma como compartilhamos dados pela internet em todos os tipos de setores e serviços, desde compras online e redes sociais até órgãos públicos e hospitais. O seu objetivo principal é criar um cenário de segurança jurídica válido para todo o país, englobando pessoas físicas e jurídicas, sem exceções. O principal foco desta lei é a proteção dos dados pessoais de todo o cidadão que esteja no Brasil, identificando os dados sensíveis e os que dizem respeito a crianças e adolescentes, para que sejam compartilhados de forma segura. 

A LGPD define os dados pessoais como sendo aqueles que permitem identificar, direta ou indiretamente, um indivíduo. São estes: nome, CPF, RG, gênero, endereço, data e local de nascimento, localização, IP do computador, histórico de pagamentos, hábitos de consumo e cookies, entre outros.

 

Já ouviu falar dos cookies? 

Um termo que muitas pessoas ainda desconhecem são os cookies na internet. Os cookies são ferramentas importantes para a navegação online, pois são os responsáveis por gravar o seu histórico de sites, preenchimento automático de dados e até rastrear as suas informações quando acessar determinadas páginas. Inicialmente, eles foram criados para tornar a navegação mais prática e melhorar a experiência do usuário no site. 

Estes mesmos dados também são utilizados por empresas de marketing digital, que rastreiam as pesquisas feitas pelos usuários para identificar o seu perfil e gostos pessoais, e assim direcionar os anúncios para o público certo. No entanto, da mesma forma que estas empresas conseguem coletar os dados, hackers e até entidades do governo também podem ter acesso a eles, e é aí que mora o grande problema: a violação da privacidade. 

Por esse motivo é importante se inteirar sobre a LGPD e efetuar o quanto antes a adequação do seu website e/ou negócio online às normas desta lei. Será necessário rever a forma como você coleta dados atualmente, prestar atenção na obtenção de dados sensíveis e principalmente: efetuar a atualização o quanto antes. 

 

Para adequar o seu site à lei, será preciso: 

  • Inclusão da política de privacidade no rodapé do site e nos formulários disponíveis. Esta política precisa ser feita por um advogado de confiança ligado à sua empresa e/ou pessoa física. Caso não tenha um profissional disponível, temos um contato de confiança a ser indicado. O mesmo não tem relação alguma com o nosso trabalho e cobrará um valor a parte. 
  • Avaliação dos formulários de contato. Caso os mesmos peçam dados sensíveis, como informações sobre religião, saúde, finanças e etc, será necessária uma revisão para que nos informe se deseja mantê-los ou retirá-los.
  • Check obrigatório do “aceite” da política de privacidade nos formulários;
  • Check opcional da newsletter ou de qualquer outra comunicação veiculada nos formulários;
  • Caixa informativa dos cookies;
  • Adicionar outros meios de contato próximo ao formulário;
  • Ativar SSL – https (cadeado de navegação segura e envio dos dados de forma segura). Neste ponto pode ser que haja um valor cobrado à parte pela certificadora que emitiu o certificado SSL. 

Os sites e demais meios de obtenção de leads que não estiverem atualizados de acordo com as especificações da LGPD estarão sujeitos à severas penalidades, que incluem multa e até mesmo o banimento da página. Mesmo com a atualização feita por nós, o armazenamento e uso dos dados do lead é de total responsabilidade do cliente. 

Para efetuar a atualização, bolamos dois planos. Ambos incluem todos os ítens citados acima, contando com uma única diferença na configuração dos cookies.

 

Plano 1

Atualização apenas com o botão de “ok, entendi”, sem a opção de gerenciamento de cookies; 

 

 

Plano 2 

Atualização com opção de gerenciamento dos cookies. Neste caso, o valor cobrado será o nosso orçamento + custo da ferramenta contratada pelo cliente.

 

(Imagem apenas ilustrativa, o conteúdo do gerenciamento de cookies vai variar de acordo com a ferramenta escolhida)

 

Orçamento

O valor para ser realizada a atualização de um site desenvolvido inteiramente por nós é de R$600,00. No caso de sites desenvolvidos por outras empresas, iremos avaliar o orçamento individualmente. 

A atualização será cobrada no momento da contratação. 

Prazo

Os prazos de entrega serão definidos de acordo com a demanda interna e conforme os pedidos forem chegando. Quanto antes você pedir, mais rápida a atualização será implementada!

Realizar essa atualização significa fornecer informações seguras, precisas e legais aos seus usuários, sempre com transparência. Com este cuidado da privacidade, será possível inclusive atrair mais leads qualificados e aumentar a sua receita.

 

Ouça o nosso podcast sobre a LGPD e tire sua dúvidas!

 

Tem algum projeto
em mente?

Declaro ter lido e aceito integralmente os termos e condições da Política de Privacidade.